Uma parede “solar”, mas com conforto térmico, beleza e proteção

Cobogó Brise Clair e Sombre trazem personalidade a espaço que agora está livre do calor intenso, da chuva e do vento, mas com muito charme

Uma casa de 750 m2 num charmoso condomínio de alto padrão em São José dos Campos/SP, construída há apenas oito anos, com estilo contemporâneo e volumetria reta… em princípio, poderia parecer perfeita, certo? Errado.

Para a família proprietária e moradora do belo imóvel, ainda faltavam vários elementos e toques que dessem personalidade ao lugar, e que resolvessem alguns problemas práticos. A tarefa de aprimorar e dar nova vida e ainda mais beleza ao que já tinha potencial, foi entregue à arquiteta Eliane Altenfelder, do escritório Altenfelder Arquitetura e Construção, que também fica nessa importantíssima cidade polo do Vale do Paraíba.

A profissional conta que as intervenções foram abrangentes. “Foi uma reforma muito grande, na área de lazer, piscina, área gourmet, varanda e fachada. Foi também um trabalho muito interessante de fazer. Apesar do estilo da casa e de ser uma construção recente, a família, que é muito querida e ama receber, desejava ambientes com mais sofisticação, personalidade e descontração”, diz ela.

Na varanda da residência, uma das laterais abertas deixava o espaço vulnerável ao vento, à chuva e ao sol forte. Erguer pura e simplesmente uma parede não era uma opção, já que a ideia era manter a ventilação e acrescentar algum elemento diferenciado ao ambiente. Foi aí que Eliana optou pelo Cobogó da Nina Martinelli, nos dois modelos que são sucesso quando se trata de proteção com circulação de ar garantida – o Brise Clair e o Brise Sombre, feitos em concreto arquitetônico e sob assinatura da designer Rosa Pinc.

São peças vazadas, medindo 30x30x7,5 cm, cujo design segue tendência do estilo industrial e são amplamente usadas como divisórias e fachadas, oferecendo aos ambientes características sustentáveis, tornando-se também aliados na economia de energia, já que filtram a radiação solar e permitem a tão desejada ventilação cruzada.
A empresa disponibiliza as peças nas cores Bianco e Concreto, mas Eliane optou não só pelo Bianco, como fez um pedido ainda mais específico: que o produto não recebesse a resina hidro repelente normalmente aplicado, para que a parede vazada recebesse outro acabamento, bastante surpreendente.

 

Cores primárias

O cobogó foi colorido em um tom amarelo vibrante que, por sua vez, dialoga com o revestimento azul na área da churrasqueira e da piscina, e também compõe um conjunto alegre e harmônico com o vermelho, cor escolhida para a área da academia de ginástica. “Além disso, como o restante da casa ficou em tons neutros, especialmente os cinzas, os pontos focais em cores primárias na área de lazer surpreenderam e agradaram a todos”, garante a arquiteta.

O produto Nina Martinelli foi adquirido na Toque Final Boutique, loja especializada em acabamentos com qualidade, funcionalidade e design impecáveis. “Todos ficamos muito satisfeitos. Clientes, as pessoas que frequentam a casa, e nós também. Ficou lindo, alegre e acolhedor, como os moradores”, finaliza Eliane.



Casa contemporânea em São José dos Campos/SP
Cobogó Brise Clair & Sombre – colorido pelo cliente em amarelo
Projeto: Eliane Altenfelder – Altenfelder Arquitetura e Construção @altenfelder_arquitetura
Fotos: Altenfelder Arquitetura e Construção

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *