Pisos drenantes são valorizados em cidades inteligentes e obras sustentáveis

O mundo cada vez mais discute – e sente os efeitos das mudanças climáticas, com desequilíbrios progressivos na definição de estações do ano, ocorrências de chuvas intensas e outros problemas, causados e agravados pelo predomínio de ocupações urbanas pouco ou nada planejadas.
Nesse contexto, o manejo adequado das águas pluviais, e as boas escolhas no momento de projetar e implantar espaços externos em obras particulares e públicas, se tornam fatores decisivos para evitar prejuízos materiais, ambientais e humanos.

Municípios inteligentes e obras que têm compromisso com a sustentabilidade e com a reversão dos quadros de desequilíbrio ambiental, vêm valorizando soluções modernas, para preservar ao máximo as condições hidrológicas originais do ambiente, substituindo pisos e revestimentos impermeáveis por materiais drenantes. E optando diretamente por esses produtos, já na concepção de novos projetos.

Absorção da água das chuvas

A principal característica dos pisos drenantes é a alta capacidade de absorver a água das chuvas, facilitando com que ela se infiltre no solo, evitando que se acumule e se desloque na superfície – por calçadas, encostas, sarjetas e vias públicas, causando alagamentos e destruição.

Sua aplicação básica é na pavimentação de áreas externas de uso privado ou coletivo – pátios, quintais, boulevares, praças, passeios e até mesmo vias públicas, onde vêm ganhando cada vez mais destaque, como alternativa econômica, segura e ambientalmente responsável.

Preocupada em oferecer ao mercado soluções compatíveis com essa demanda, a Nina Martinelli possui em seu portifólio uma linha de pisos drenantes feitos em cimento poroso, que estão entre os poucos a oferecer 100% de permeabilidade. Testados e aprovados pela ABCPB (Associação de Cimentos Portland do Brasil), os pisos drenantes Nina Martinelli garantem a rápida absorção das águas pluviais. Cuidadosamente idealizados, proporcionam efeito estético agradável e de fácil integração a vários conceitos arquitetônicos e urbanísticos.

Feitos com alta tecnologia agregada, são oferecidos em três opções: 45 x 45, Onda e Paver. O modelo de  45 x 45 cm, portanto um quadrilátero, permite alguma liberdade de paginação e é disponibilizado em duas espessuras: 5cm para suportar tráfego exclusivo de pedestres e 8cm, para ser aplicado em vias, onde ocorre o tráfego mais pesado, não só de pessoas, mas também de veículos.

O Piso Drenante Onda, para assentamento intertravado, é fabricado nas dimensões 24×10 cm, também com duas espessuras – 6 cm e 8 cm, recomendadas conforme a aplicação desejada. E o Paver, com 20 x 10 cm, por ser retangular, possibilita paginações diversas e é fabricado mantendo também as versões com espessuras de 6 cm e 8 cm.

Os três produtos apresentam-se em cores bem variadas, tais como grigio, rosso e giallo, assegurando perfeita adequação aos objetivos de favorecer beleza, qualidade de vida sustentável e ecologicamente correta nas cidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *